Proteínas são macromoléculas sintetizadas a partir de aminoácidos. São capazes de adotar uma grande possibilidade de arranjos tridimensionais. É o principal produto da tradução do RNAm.

 

aminoácidos Figura 1 – Aminoácidos codificados e respectivos códons. [FERNANDES, 2005]

Conforme mencionado anteriormente, o genoma codifi ca, através dos códons, 20 aminácidos para composição das proteínas. Códon é um conjunto de 3 bases nitrogenadas. A gura 3 apresenta os aminoácidos e seus códons
codi ficantes.

As proteínas possuem estruturas complexas com quatro níveis de organização [CARROLL et al, 2013]:

  • estrutura primária: sequência linear de aminoácidos que compõem a proteína;
  • estrutura secundária: interações entre os aminoácidos, que podem formar hélices ou folhas-beta em certos trechos da molécula;
  • estrutura terciária: dobramento da estrutura secundária;
  • estrutura quartenária: união de várias terciárias que se agrupam e se ajustam para formar a estrutura total da proteína.

Figura 2 – Estruturas de proteínas.

 

Referências:

 

ALBERTS, B. Biologia Molecular da Célula. Artmed Editora, Nona Edição, 1999.

CARROL, S. B.,  WESLLER, S.R. , LEWONTIN,  R. C., GRIFFTHS, A. J.F.  Introdução a Genética. Guanabara Koogan, 2013.

CRICK, J. W. F., Molecular structure of nucleic acids. Nature, 171, 1953.

PEIXOTO, R.L. (2017) Princípios da Edição Gênica. Campo Grande, Faculdade de Computação / Universidade Federal de Mato Grosso do Sul – UFMS, 2017, 18p.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *